A maior porta de entrada do Brasil. Assim podemos definir o Aeroporto Internacional de São Paulo, que fica em Guarulhos, na região metropolitana. O aeródromo gigantesco é responsável por deslocar mais de 35 milhões de passageiros a cada ano, para mais de cem destinos, dentro e fora do país, por meio de mais de 40 companhias aéreas. Para movimentar todo este complexo, são necessários mais de 30 mil funcionários diretos e indiretos, responsáveis desde a limpeza do chão até a segurança, passando pelo armazenamento de bagagens, atendimento aos passageiros e limpeza de aeronaves, entre muitos outros serviços.

O Aeroporto de Guarulhos foi inaugurado em 1985, após quase três décadas de discussões políticas para definir o local de um novo complexo aeródromo próximo à capital. Desde 2012, o hub passou a ser administrado pela iniciativa privada, a partir de um modelo de concessão. Além de manter o espaço, a concessionária investe em uma série de melhorias e ampliações, como a construção de um novo terminal.

Conforto e qualidade

Atualmente, possui demanda instalada para atender até 50 milhões de passageiros a cada ano. Quem viaja por Guarulhos tem mais conforto e mais serviços disponíveis, muito embora pague por tudo isso. Entre as comodidades disponíveis em Guarulhos destacam-se as 260 lojas – entre elas, restaurantes e lanchonetes -, e um hotel, voltado para quem está em conexões longas ou em voos atrasados. Neste modelo de hotelaria, paga-se o quarto pela hora, e não a diária.

24 horas e deslocamento facilitado

Apesar de estar fora do limite territorial de São Paulo, o Aeroporto Internacional de Guarulhos é atrativo. Se comparado com Congonhas, pesa a favor de Guarulhos o fato de operar 24 horas por dia, para destinos tanto nacionais quanto internacionais.

A distância da capital, aliás, não chega a ser um grande empecilho. Do Centro ao aeroporto, o condutor precisa percorrer 28 quilômetros, via Rodovia Airton Senna. É tão prático que muitos preferem ir de carro até o aeroporto, mesmo que faça viagens longas.

Estacionamento no Aeroporto Guarulhos

No entanto, o estacionamento do Aeroporto Guarulhos é caro. E dependendo de onde o carro fica, é necessário andar bastante – e com malas – até o terminal de embarque.

Felizmente há alternativas ao estacionamento do Aeroporto Guarulhos, no qual as tarifas ficaram mais caras após a concessão. Uma boa ideia é deixar o carro em um estacionamento no entorno, sem abrir mão da segurança e da comodidade.

Alguns espaços, por exemplo, oferecem traslado gratuito, 24 horas, e uma série de comodidades, como lojas de conveniência e banheiro com chuveiro.

A Urban Park, estacionamento Aeroporto Guarulhos, é um dos exemplos de locais para estacionar mais barato. A diária chega a sair 65% mais em conta, além de outros diferenciais. Para diárias entre 16 e 30 dias, por exemplo, só serão cobradas 15 dias. Isso com o carro deixado em segurança e monitorado 24 horas. Aliás, em algumas vagas, o condutor tem a opção de estacionar o próprio carro e levar as chaves.

Modernização e melhorias

Não é por acaso que o Aeroporto Guarulhos é o principal do Brasil. E, felizmente, o complexo tem se modernizado para atender a esta demanda crescente, garantindo conforto e segurança. Porém, alguns serviços ainda são caros, muito embora este modelo de cobrança tenha contribuído para o crescimento de empresas no entorno do aeródromo. Neste caso, ponto para a cidade de Guarulhos!