[huge_it_slider id="4"]

Nesta sexta-feira, dia 5, a Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMSA) e da Regional Oeste, realiza uma ação de entrada forçada em imóveis abandonados, para combater focos do mosquito Aedes aegypti. A ação tem início às 8h, e o ponto de encontro será na porta da Secretaria da Regional Oeste (Avenida Silva Lobo, 1.280, Nova Granada).

 A ação de entrada forçada é feita após diversas tentativas frustradas de vistoria pelo agente de combate a endemias. Enquadram-se nesses casos os imóveis visitados pelos agentes duas vezes, no intervalo de dez dias, em horários diferentes e após notificação deixada na caixa de correio do imóvel.

 Em Belo Horizonte, até o momento, foram realizadas 11 ações de entrada forçada. Seis delas na Regional Oeste. Dos 11 imóveis vistoriados, em três foram encontrados focos do Aedes aegypti.

 A operação está programada para acontecer em três imóveis situados na Vila Oeste, Nova Granada e Gutierrez. A entrada forçada será feita por equipe formada por integrantes da Guarda Municipal, chaveiro e agentes de combate a endemias, e tem como base a Medida Provisória 712/2016, publicada pelo Governo Federal. Essa medida regulamenta a entrada dos agentes públicos em imóveis não acessíveis.

 Mais informações para imprensa pelos telefones 3277-7756 (Secretaria Municipal de Saúde).