O vocalista e guitarrista MAURICE JOHN VAUGHN, de Chicago (EUA), será a atração principal no projeto Rota do Blues, chega pela primeira vez no Brasil, trazendo o clássico e genuíno blues americano, juntamente com o mineiro Bruno Marques, acompanhado por Adrian Flores e Renato Limão. No dia 17 de setembro às 22h na A Autêntica.

MAURICE JOHN VAUGHN, de Chicago (EUA)

Maurice John Vaughn é um verdadeiro bluesman, significa aquele que canta. Guitarrista, cantor e saxofonista, Vaughn escreve canções inovadoras e muitas vezes cômicas que nascem de sua vasta experiência musical.

Nascido no dia 10 de maio de 1952, foi criado ouvindo os sons de Muddy Waters, Howlin Wolf e James Brown. Incorporou suas várias influências em blues e estilo R & B que é sua identidade.  De acordo com Vaughn, é importante misturar as coisas musicalmente e estilisticamente. Seu objetivo é inspirar o público a fazer o mesmo.

Maurice começou sua carreira musical na Universidade de Juliet no South Side de Chicago, tocando bateria, guitarra e clarinete na banda da escola. Em 1968, se concentrou no saxofone, interessado em participar de um trio de jazz. “Eles queriam um saxofonista, e eu queria estar na banda”, relembra Vaughn. Em 1976 gravou com o grupo Chosen Few para o selo Chi-Som. Imediatamente voltou sua atenção para a guitarra. Os sons de Albert King, Albert Collins, John Lee Hooker e BB King podem ser ouvidos em estilo de guitarra.

Em 1979, Vaughn entrou no mundo do Blues após Phil Guy (irmão de Buddy Guy) se impressionar com a banda de Vaughn, que estava acompanhado o professor Eddie Lusk. Depois desse show, Guy convidou Vaughn e banda para acompanhá-lo em uma turnê canadense.

Em seguida Vaughn estava tocando com os melhores talentos de Blues de Chicago: Luther Allison, Son Seals (com quem excursionou pela Europa) e AC Reed (cuja gravação pela gravadora Alligator, apresenta Vaughn na guitarra). A visão musical de Maurice, e sua carreira promissora o ajudaram a assinar com o selo Alligator Records.

Em 1986, Maurice tocou, produziu, gravou e financiou o seu próprio álbum solo. Criando seu próprio selo Reecy, e lançou Genuine Blues Album. Com a força desta gravação, o presidente de Alligator, Bruce Iglauer convidou o Vaughn para o estúdio para gravar uma faixa para o álbum de coletânea chamado New bluebloods. Bruce trabalhou em seguida, para fechar um acordo de distribuição para o Genuine Blues Álbum com Maurice, reeditando o álbum com uma faixa adicional. A Guitar World declarou: “o álbum de Blues do ano!”. Um show típico Vaughn envolve um relacionamento próximo com o público. Seu estilo é confortável e inclusivo. Ele fala com o público como se estivessem todos sentados em sua sala de estar. “Você não vai apenas me ver com minha guitarra”, diz Vaughn. Uma maneira que ele aprendeu em manter seu show ao vivo rápido e sempre divertido.

Vaughn ama viajar e está constantemente atualizando seu som e estilo. Seu talento e experiência abundante o colocam na linha da frente do Blues contemporâneo. Suas canções inovadoras, seu canto apaixonado, e sua forma tão particular de tocar a guitarra, sempre brincando com o saxofone, marcam sua música, como o trabalho primoroso de um verdadeiro bluesman. Vaughn chega pela primeira vez no Brasil, o show acontece  na  A Autêntica, para encantar a todos.

BRUNO MARQUES

 Bruno Marques, guitarrista e proprietário da Marques Produções, líder do Taxman Blues, MOJO Blues Band e Bruno Marques Band, estão em destaque na cena do blues de Belo Horizonte.  Bruno é um dos responsáveis pelo desembarque de artistas internacionais de Blues em Minas Gerais. Já tocou ao lado de Lurrie Bell (USA), Jimmy Burns (USA), Harmônica Hinds (USA), Flávio Guimarães (Blues Etílicos), Marcelo Frias/Secos e Molhados (ARG), Los Mind Lagunas (MEX), Quique Gomez (ESP), Big Creek Slim (DNK), Zé Pretim Blues Man (MS), entre grandes nomes do blues Mineiro. É idealizador do projeto Rota do Blues e promove intercâmbio e troca de informações musicais entre os artistas internacionais e mineiros.

Show de abertura:

ALEXANDRE DA MATA & THE BLACK DOGS with MARK GREENSPON (USA)

Diretamente de Chicago, Mark Greenspon (USA) será o vocalista convidado para este show. Após anos atuando à frente dos mais diversos projetos, Alexandre da Mata apresenta seu trabalho mais autoral, tocando canções do futuro álbum “AllThemReasons”, e covers  de bandas clássicas do Rock & Blues como , Rolling  Stones, Cream, Creedence, Jimi Hendrix, Led Zeppelin , SRV , Buddy Guy, Eric Clapton, ZZ Top, entre outros.

Influenciado por grandes nomes como Steve Ray Vaughn, Brian May, Joe Bonamassa, Angus Young e Albert Lee, o grande guitarrista mineiro destilará sua incrível mistura de blues, rock e country, acompanhado pelos parceiros Junio Gomes (vocais) Cinara Motta (baixo) e Evaldo Rodrigues (bateria).

Promessa no mercado do Blues/Rock, Alexandre da Mata atua como guitarrista, produtor musical e compositor, tendo, ao longo de mais de 17 anos de carreira, se apresentado em palcos do Brasil e exterior. Ao lado de diversos nomes da música instrumental e popular, como Chris Slade (AC/DC) Geraldo Vianna, Neném, Ivan Corrêa, Saulo Laranjeira, Telo Borges, entre outros. Desenvolveu um estilo único, impressionando por sua mescla de feeling e proficiência técnica.

Assista: www.youtube.com/watch?v=FYfY0yEJLW8

www.youtube.com/watch?v=EAkwD3fCW3w

PROJETO ROTA DO BLUES

MAURICE JOHN VAUGHN, de Chicago (EUA), BRUNO MARQUES e ALEXANDRE DA MATA & THE BLACK DOGS with MARK GREENSPON (USA)

  • 17 de setembro – 22h
  • Venda antecipada: R$ 35,00
  • www.sympla.com.br
  • Entrada: R$ 40,00 no local
  • A Autêntica
  • Rua Alagoas, 1172 – Savassi
  • Informações: 3654-9251 / 98851-8153