A situação do América no Campeonato Brasileiro se agrava a cada rodada. Neste domingo, o time de Sérgio Vieira voltou a apresentar um futebol pífio e foi derrotado sem dificuldades pelo Santa Cruz, por 3 a 0, no Independência. Tiago Costa, Marcílio e Arthur fizeram os gols que garantiram os três pontos aos pernambucanos.

Com o revés – o oitavo nas últimas nove rodadas – o Coelho segue amargando a lanterna do Brasileirão, com apenas oito pontos. Já o Santa Cruz chegou aos 17, escapando momentaneamente do Z4.

O América volta a campo apenas na próxima segunda-feira, quando encara o Flamengo, atual quinto colocado, fora de casa. Já o tricolor recebe o Coritiba, em Recife, no sábado.

A vitória do Santa Cruz começou a ser construída logo aos oito minutos do primeiro tempo. Tiago Costa ganhou dividida com Osman, invadiu a área pelo lado esquerdo e chutou cruzado, no ângulo de João Ricardo.

Aos 14, o América teve a chance do empate com Osman, em cobrança de pênalti, mas o meia-atacante bateu no meio do gol, facilitando a defesa com os pés de Tiago Cardoso.

No lance seguinte veio o castigo. Após cobrança de escanteio pela direita, a zaga americana desviou, mas a bola sobrou para Marcílio, que pegou bem de primeira, no canto direito de João Ricardo, que não conseguiu alcançar a bola.

Com o resultado bem encaminhado, os visitantes passaram a explorar os contra-ataques na etapa final. Aos 10 minutos, Arthur recebeu lindo passe de Léo Moura, invadiu a área pela direita e emendou uma bomba no alto, sem chances para o arqueiro do Coelho.

América 0 x 3 Santa Cruz

Motivo: 15ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Estádio Independência, Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moisés (RJ) e Thiago Corrêa Farinha (RJ)
Gols: Tiago Costa, aos 8 min do 1ºT, Marcílio, aos 16 min do 1ºT, Arthur, aos 10 min do 2ºT
América: João Ricardo; Pablo, Roger, Adalberto e Bruno Teles (Sávio); Leandro Guerreiro (Claudinei), Juninho, Gilson e Alan Mineiro (Danilo Barcelos); Osman e Danilo Dias. Técnico: Sérgio Vieira
Santa Cruz: Tiago Cardoso; Léo Moura, Neris, Danny Morais e Tiago Costa; Uillian Correia (Derley), Marcílio (Jadson), João Paulo e Arthur; Keno e Grafite (Marion). Técnico: Milton Mendes