[huge_it_slider id="4"]

No próximo dia 24, a fisiculturista mineira sobe ao palco para mais uma competição, desta vez, visando a classificação para a edição brasileira do maior evento multiesportivo; na preparação, atleta alia técnicas inovadoras de tratamentos à musculação 

Como uma boa mineira, que chega com o jeitinho manso de quem não quer nada e logo conquista seu espaço, a atleta e modelo fitness, Val Almeida, está fazendo história no fisiculturismo. A belorizontina de 39 anos se dedica aos treinos há menos de 2 anos e, apesar do pouco tempo, importantes marcas da categoria profissional Welness, já fazem parte do histórico da atleta. Prestes a subir ao palco novamente, a loira abriu o jogo e contou o que tem a ajudado na preparação da nova competição.

Faltando pouco mais de uma semana para a Copa Body Classic de Musculação Fitness e Fisiculturismo, que acontecerá no dia 24 de setembro, no Centro de Convenções do Teatro Rio Vermelho, em Goiânia, numa realização do IFBB Goiás, em parceria com o IFBB Brasil, a atleta destaque no fisiculturismo mineiro revelou alguns tratamentos que tem sido essenciais nos resultados de sua preparação física. Para mostrar cada detalhe e realce da simetria perfeita do corpo, Val buscou a ajuda de dois profissionais: o fisioterapeuta Lucas Miguel Jr e a educadora física Sâmela Heringer, com tratamentos que englobam técnicas inovadoras e garantem a melhoria da performance da atleta.

Lucas Miguel Jr realiza na atleta o tratamento das cadeias musculares, que visa realinhar as vertebras e músculos do corpo, trazendo o equilíbrio postural de Val Almeida. O método inovador usa a terapia manual, feita por uma combinação de técnicas de massagens e alongamentos leves e progressivos que estimulam, direcionam e harmonizam a fisiologia das cadeias musculares. O procedimento é muito procurado por atletas que querem melhorar seus gestos desportivos e performance de seu aparelho locomotor, o que despertou muito interesse na fisiculturista mineira, que logo de início já enxerga os resultados. “O fato mais interessante que desde a primeira sessão eu já pude constatar foi o meu abdômen. Por mais que eu treinasse e fizesse muitos exercícios abdominais, havia uma parte que sempre ficava mais altinha, como se houvesse um inchaço. Depois que eu comecei a fazer o tratamento isso mudou completamente. Eu até brinco que foi como se o Lucas conseguisse colocar tudo no lugar”, explica a atleta.

O fisioterapeuta explica que na avaliação física feita inicialmente, uma pequena inclinação lateral do quadril foi constatada, o que atrapalhava a ativação do reto abdominal da atleta, e aparentemente deixava um lado mais bem desenvolvido que o outro, devido a rotação do corpo na realização das atividades e treinamentos. Portanto, o trabalho realizado em duas sessões semanais na atleta é para reposicionar as vísceras, liberar tensões e acertar o diafragma e parte do estômago.

Lucas Miguel ressalta a importância da técnica conhecida como “liberação miofascial”, usada no tratamento da fisiculturista com o objetivo de melhorar seu desempenho nas competições. “A Val me procurou com objetivos bem específicos, e de cara eu já pude perceber que o processo vai ser muito positivo para ela se aliado à musculação. Dentre eles, eu consigo ressaltar a flexibilidade de movimento das articulações, a liberação das tensões e dores musculares que ela possa apresentar, além de claro, a distribuição da massa muscular que vai promover mudanças progressivas nos níveis físico da atleta”, explicou o fisioterapeuta.

Val conta ainda com o atendimento da educadora física, Sâmela Heringer, que apresentou a fisiculturista o LPF – Low Pressure Fitness. Um método conhecido como da “barriga negativa”, que consiste em práticas constantes de respiração, realizado através de um ritmo específico e controlado, que beneficia a ativação do metabolismo, melhora a postura e estimula a musculatura, tonificando o abdômen.

“A Val me procurou a fim de melhorar o aspecto físico para o campeonato, porque mesmo ela sendo muito forte, precisava melhorar o tônus muscular. Então, iniciamos com a liberação do músculo diafragma, aprendendo também a respirar de forma correta para executar a técnica do LPF. Mesmo com o pouco tempo de tratamento, já conseguimos ativar e fortalecer o músculo do assoalho pélvico, que já acarretou numa melhora na postura”, conta Sâmela. A educadora física explicou ainda que as técnicas usadas no tratamento da atleta colocam sua musculatura nos lugares certos e precisos, podendo haver uma diminuição da cintura e um abdômen mais tonificado.

As intensas atividades são parte da demasiada preparação da atleta que se vê mais confiante para subir ao palco no dia 24 de setembro, com o objetivo de conquistar o primeiro lugar no pódio e garantir sua vaga no maior evento multiesportivo da América Latina, Arnold Classic 2018. Val almeida alia os tratamentos à treinos pesados e vigorosa dieta.

Sobre Val Almeida

A atleta e modelo fisiculturista, na categoria Wellness, Val Almeida, tem 39 anos de idade e é destaque no esporte em Minas Gerais. A atleta começou a se profissionalizar há menos de dois anos e, de lá para cá, participou de seis competições. Em 2016, no Campeonato Mineiro de Estreantes, ela conquistou a premiação máxima. Posteriormente se classificou em 3º lugar no Campeonato Mineiro, e o 7º lugar no Brasileiro. Em 2017, ela conseguiu manter os resultados, ficando em 3º lugar no Mineiro e em 7º no Brasileiro. A atleta que sempre trabalhou com vendas, descobriu incentivo pela modalidade quando passou a administrar a academia Omnia, onde treina atualmente.

A categoria Wellness, a qual Val Almeida participa, é aquela em que a mulher não fica tão musculosa e é exigido um baixo percentual de gordura e músculos definidos. Para manter o corpo em forma e pronto para as competições, a atleta conta com uma equipe multidisciplinar: o nutricionista Bricio Paiva é o responsável pela alimentação adequada da Val, aliado à endocrinologista Eliana Teixeira, que cuida do equilíbrio hormonal da atleta e modelo. O preparador físico Petrone Moreira define metas e objetivos e planeja os treinos de acordo com as necessidades. E como a categoria está ligada diretamente à beleza, Val Almeida conta com o suporte da Vandinha Estética, clínica muito reconhecida em Belo Horizonte.