IMG_1643-12    capa

*Vinicius Aguiar
Diretor de Moda e Produção (VA Models)

A profissão de modelo é uma das mais sonhadas por garotos e garotas de todo o mundo. O sucesso, a fama e o glamour são consequências de muito trabalho. Para obter um resultado positivo (sucesso), é preciso trilhar um longo caminho… Não basta possuir todos os atributos físicos, um modelo também precisa de determinação e atitude para triunfar no disputado mundo da moda.

Diversas preocupações fazem parte do dia a dia do profissional, além do cuidado com o corpo, valores como a pontualidade, assiduidade e responsabilidade jamais podem ser esquecidos pois a imagem do modelo é a sua base de trabalho, e todos os dias as suas ações contribuem para preservar uma boa imagem, ou acabá-la.

A(o) modelo pode atuar nas seguintes áreas:

Artes plásticas: tem de posar para fotógrafos, escultores, estudantes de desenho e pintores.

– Modelo fotográfico: para ensaios de toda espécie.
– Desfiles de moda: exibição de acessórios e roupas para grifes e confecções.
– Consultoria: modelos experientes podem ser professores do ofício ou prestar consultoria na área.
– Cinema e televisão: alguns modelos, depois de realizar cursos de dramaturgia, podem trabalhar como atores/atrizes.
– Publicidade: atua em comercias de televisão, anúncios e apresentação de produtos em exposições.

O mercado de trabalho para este profissional acontece no setor privado e é irregular (muitos modelos não tem trabalho o ano todo) e extremamente competitivo (para cada vaga aberta há um grande número de jovens disponíveis). As modelos são mais requisitadas em épocas em que a economia está mais aquecida e, desta forma, os investimentos em publicidade são maiores.

Seja paciente

Isso porque tanto em desfiles quanto em editoriais de moda, a demora parece interminável. O modelo precisa ser um profissional paciente. Apesar de, um desfile convencional ter duração de no máximo 15 minutos, os detalhes que antecedem o espetáculo podem levar horas para ficarem prontos, e isto pode ocorrer, ainda que se trate do desfile de grandes grifes… Em editoriais de moda não é diferente, muitas vezes levam horas para obter fotografias de um bom marketing, em uma visão comercial e extramente fashion.

“Enfrente as situações e preserve sua imagem, é preciso manter a postura com simpatia e confiança, desenvolva o diálogo, aprendendo a falar e ouvir. Reivindique, mas aceite a orientação de sua equipe. A profissão é altamente competitiva, por isso exige competência.”

Atualize-se! Busque conhecimento

O conhecimento é fundamental para agir com profissionalismo. É preciso gostar muito do que se faz, trabalhar com responsabilidade, dignidade, ética, comprometimento e honestidade, o modelo deve estar sempre bem informado sobre o mercado, pesquisando quem são os bons profissionais, e manter a busca por conhecimento atualizado, focado na profissão.

Cuidados com o corpo

É imprescindível preservar uma boa imagem. Existe todo um cuidado com o corpo que deve ser, simultaneamente, uma preocupação pessoal e uma obrigação profissional para o modelo. E sim, existem exigências físicas incontornáveis, como as medidas, as quais seguem o padrão internacional.

Um modelo tem beleza muito própria, que o diferencia dos demais. São pessoas que têm traços de rosto muito específicos, os quais fazem toda a diferença na moda e na fotografia.

Algumas atividades e cuidados necessários no dia a dia: praticar esportes, fazer uso de hidratantes e protetor solar indicados para o tipo de pele, manter o cuidado dos dentes e dos cabelos, fazer a escolha de um corte de cabelo fashion que favoreça o seu rosto, assim como manter a higiene das unhas.

Alimentação e sono em dia

Sustentar uma alimentação saudável deve ser uma constante na vida do modelo, fast food e doces só devem ser consumidos de vez em quando, além do cuidado com os hidratos de carbono, outro ponto importante é a ingestão de pelo menos dois litros de água por dia.

Além disso, o modelo deve organizar o seu tempo, conciliando trabalho e divertimento com o descanso mínimo de 7 a 8 horas. É o chamado “sono reparador”, essencial para uma vida saudável.

Psicológico

Outro fato importante na vida de modelo, é a pressão psicológica a qual é submetido. Críticas, rejeições e imposições fazem parte do dia a dia do modelo e é preciso estar bem preparado para administrar as emoções.  Por se tratar de um mercado muito concorrido, ter jogo de cintura é fundamental para encarar situações de injustiças, inveja e provocações. Nessas horas, procure contar com o apoio de um amigo, da família e se precisar, até mesmo de um psicólogo.

Vocação para carreira de modelo

Se você pensa que a carreira é para qualquer um, desista! Não passe perto, muitos confundem a carreira com liberdade, licenciosidades, realização de opção sexual, com glórias, paetês, fotografias em revistas, riqueza… Aí entra a tecnologia, com photoshop e outros recursos para moldar o “modelo”, como se fosse um autômato, se apropriando de tal técnica, o chamado “modelo.”

É fundamental não confundir “ser modelo, com ter um modelo dentro de si… Não é para qualquer um, é preciso ter vocação. Para se identificar, é preciso sentir mal pela ausência da atuação, adoecer por não atuar, um tal desassossego, no qual nem consegue dormir… Se você não tem esse sentimento, essa falta da passarela ou das câmeras, não ocupe espaço dos outros.

“Vocação é onde as necessidades do mundo e suas habilidades se encontram. É fazer bem o que se gosta. Não é só porque se tem vocação que será certamente bem sucedido em alguma coisa. Todo projeto exige dedicação, estudo e aprofundamento, além daquilo que sua habilidade já lhe confere.”