em-6-anos-homens-aumentam-consumo-de-produtos-de-higiene-e-beleza-em-163

As vendas de cosméticos crescem aproximadamente 13% ao ano. Um estudo feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE revelou que o brasileiro gasta mais com beleza do que com comida. Segundo o levantamento, dos R$ 43,4 bilhões que os brasileiros gastaram comprando produtos de higiene, beleza e cuidados pessoais em 2011, R$ 19,8 bilhões foram desembolsados pela classe C. Brasileiros com renda entre dois e dez salários mínimos gastam 1,3% do que ganham mensalmente para cuidar dos cabelos e das unhas. É quase o dobro da despesa com arroz e feijão (0,68%). Os gastos com shampoo, condicionador, maquiagem (1,46 do salário) chegaram a ser quase a mesma coisa que se gasta com carne (1,73%). Observa-se que as pessoas estão preocupadas com a beleza e bem-estar, isso inclui tanto o público feminino quanto o masculino. Dados da Associação Brasileira de Indústrias de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec) também mostram que o setor de beleza vem crescendo, em média 10,4% ao ano. Cuidados com os cabelos representam 22,1% do faturamento.

A empresária Sandra Assis Maia, com formação em Terapia Capilar e Ortomelecular, proprietária da Clínica Capilar Alto Stima, conta que depois de muita pesquisa no setor da beleza resolveu tornar sua empresa em uma opção de franquia, assim ela expandiu seus negócios e vem conquistando esse público que consume produtos que satisfaçam o bem-estar pessoal. “Ainda não computei o total de investimento, mas estimo que o retorno financeiro ocorra em curto tempo. Já consegui vender minha primeira franquia no Centro-Oeste e agora estou finalizando uma venda de franquia na cidade de São Paulo, mas já recebi vários contatos de investidores de outros estados”, diz Sandra.

Dados da Associação Nacional do Comércio de Artigos de Higiene Pessoal e Beleza (Anabel) constatou que a quantidade de novos salões de beleza cresceram 78% em cinco anos. “A tendência de homens e mulheres – eles cada vez mais – investem no “visual” seja para atenderem as imposições mercadológicas, seja por razões de vaidade e autoestima – ou simplesmente, porque beleza é fundamental”, explica a empresária.

Produtos Próprios e trabalho da clínica

A empresa conta com uma linha de produtos com produção própria. Todos os produtos como shampoos, condicionadores e máscaras capilares, foram elaborados e patenteados pela terapeuta capilar Sandra Assis Maia. Os produtos são vendidos em lojas autorizadas e para franqueadores. A empresa trabalha com materiais de primeira linha, 100% descartáveis tais como: luvas, sapatilhas, jalecos, tocas, toalhas, conforme todas as exigências de saúde. A clínica é especialista em restauração dos fios, tratamento para quedas e a tricoscopia que é um exame rápido, não invasivo e indolor feito com o uso de um fotovideodermatoscópio com o objetivo de estudar o couro cabeludo e a haste capilar. Possibilita uma análise comparativa das diferentes áreas do couro cabeludo, determinando os locais de comprometimento capilar e sua intensidade, além de avaliar a resposta ao tratamento instituído. “Nosso objetivo é proporcionar recondicionamento do estilo de vida da pessoa, unindo corpo e mente. Precisamos ser criativos e detectar novos hábitos e novas tendências, nichos de mercado ainda não tomados pelas médias e grandes companhias. Mas é preciso ser ágil”, disse.