[huge_it_slider id="4"]
 

 

O senhor da minha história primeiro       romance de Carlyle Popp, que tem Curitiba como cenário, cidade adotada                     por ele desde 1971.

 

Chega às livrarias O senhor na minha história, primeiro romance de Carlyle Popp, autor catarinense, radicado em Curitiba desde o início dos anos 1970, conhecido nacionalmente nas letras jurídicas. A obra foi publicada pela Editora InVerso.

O senhor da minha história é um livro sobre protagonistas e coadjuvantes. Sobre amizade, amor e ódio. Sobre a constante busca da própria identidade. Sobre a vida, o desejo e a morte. Tudo isso tendo Curitiba como pano de fundo.

Ao longo do texto, numa leitura fluida e prazerosa, o autor assevera se somos o protagonista da nossa existência ou, de maneira mais sutil e elegante, quem é o diretor de teatro da nossa vida? Se fazemos nossas escolhas livremente e se nos responsabilizamos pelas nossas ações ou ainda se vivemos à reboque dos acontecimentos, das circunstancias e dos outros?

Assim, do início dos anos 1970 até o começo dos anos 2000 o protagonista trafega por Curitiba, onde passa sua infância, marcada principalmente por dois episódios: a geada negra de 1975 e a epidemia de meningite, eventos que se destacaram e que deixaram marcas na sua memória.

Os desafios da adolescência, o primeiro amor e suas amizades. Um herói domina sua vida e inaugura rupturas, alegrias e tristezas que consequentemente contaminariam sua vida adulta. Frustrações e o fardo de uma convivência fraterna transformada em ódio desfilam por todo o livro. Sua atividade como agente de viagem permite que a história tenha, também, Madri, Paris e Londres como cenário.

A dor o aliena, esvaziando sua existência. A tragicomédia passa a dominar este romance de formação até que, em suas páginas finais, a loucura passa à condição de personagem principal. Matar Salésio, antagonista de sua vida, transforma-se em desejo fundamental. Muitas tentativas até que, enfim, consegue. Teria ele realmente conseguido?

Neste seu primeiro romance Carlyle Popp, cativa seus leitores e os deixam inquietos, vidrados nos hábitos e no comportamento dos personagens, que são muitos. Memória, realidade e ficção se envolvem no enredo. Virar a próxima página e o destino de cada um dos personagens impele a continuidade da leitura.

 

Sobre o autor:

CALYLE POPP é homem de letras jurídicas. Advogado, professor em cursos de graduação e pós-graduação; Mestre em Direito Público pela UFPR e Doutor em Direito Civil pela PUC/SP. Sua experiência como advogado o fez descobrir que no Direito existe uma certa carga ficcional. Com isso, enveredou pela trilhas do relacionamento entre o direito e a literatura.

Na ficção, coordenou e escreveu nas antologias Instruções à Cortazar: homenagem de cronópios, famas e esperanças (Juruá Editora, 2014) e Kakfa: uma metamorfose inspiradora (Juruá Editora, 2015). É membro do Instituto dos advogados do Paraná, da Academia Paranaense de Letras Jurídicas, do Conselho Editorial da Juruá Editora, do Instituto de Direito Privado e da Academia Luminescência Brasileira (ALUBRA). Luta para ser um cronópio, diretor de teatro de sua própria existência, embora reconheça não ser fácil. O senhor da minha história é seu primeiro romance.

 

  • Título:                        O SENHOR DA MINHA HISTÓRIA
  • Autor:                        CARLYLE POPP
  • Editora:                     InVerso
  • Páginas:                     338
  • Preço:                        R$ 50,00
  • Público-alvo:             Amantes da boa leitura e sobretudo de textos bem urdidos