Guia para fazer intercâmbio na China

China é um país muito interessante, mas não somente para ir a turismo, senão também para ser intercambista. Quer saber por quê? Contamos-lhe os principais motivos para escolher a China como seu destino de intercâmbio estudantil:

  • É um país riquíssimo em história e possui uma cultura milenar

A cultura chinesa tem mais de 5000 anos de antiguidade, e inclui não somente a língua e os costumes, mais também diversas tradições, como a astrologia, a comida exótica, os enfeites de porcelana fina, as artes marciais, a fabricação de tecidos e as diferentes indústrias que alberga o pais mais populoso do mundo.

  • A sua língua oferece vantagens profissionais

Quer destacar no mercado de trabalho? Estudar mandarim é com certeza uma ótima forma de fazê-lo, pois adiciona um diferencial no seu currículo.

O mandarim é o idioma mais falado do mundo. Também conhecido como chinês tradicional, é um conjunto de dialetos das regiões central, sudoeste e norte do país. Mesmo que seja uma língua muito complexa, não precisa se preocupar: durante seu intercâmbio na China, será colocado em uma aula correspondente ao seu nível.

  • Tem muitas paisagens para percorrer

Além das metrópoles como Xangai, Pequem e a Ilha de Hong Kong, que oferecem atividades diurnas e uma vida noturna muito agitada, a China também possui lugares que vale a pena conhecer, pois são únicos no mundo.

A Cidade Proibida, a Grande Muralha, o Templo do Céu, os Túmulos Imperiais das Dinastias Ming e Quing e o Grande Canal são somente alguns dos sítios declarados Patrimônio da Humanidade pela UNESCO que você terá a chance de conhecer.

  • Oferece uma culinária diferente

Nada de arroz e feijão! Na China poderá comer pratos com insetos, como escorpiões ou formigas.Quem não gosta desta culinária extrema, pode-se deliciar com as comidas cheias de vegetais de todas as cores e temperos de todos os gostos.

Como ser parte dos programas de intercâmbio à China?

Existem 3 formas de fazer parte de um intercâmbio China-Brasil:

  • Candidatar-se em uma Universidade chinesa

A forma mais direta é entrar em contato com uma instituição educativa superior na China e se candidatar nas vagas oferecidas.

Atenção! Provavelmente peçam certa proficiência na língua inglesa ou no mandarim, solicitando a apresentação de documentos que provem os conhecimentos em algum dos dois idiomas.

  • Entrar em contato com sua Universidade no Brasil

Outra opção para os estudantes universitários é consultar na sua própria casa de estudos sobre os programas de mobilidade entre Universidades.

Existem algumas no Brasil que possuem convênios com instituições de ensino na China.

  • Procurar uma agência especializada

Estas empresas oferecem pacotes integrais para fazer intercâmbios China-Brasil, seja para fazer cursos de idiomas ou continuar os estudos de ensino médio, graduação ou pós-graduação.

Quem pode se inscrever nos programas de intercâmbio à China?

A resposta é: quem quiser! Mas principalmente aquelas pessoas que sejam:

Estudantes maiores de 18 anos Que queiram estudar mandarim ou complementar seus estudos

Profissionais de diferentes áreas e formações que procurem um diferencial para o mercado de trabalho

Pessoas apaixonadas pela cultura chinesa que queiram dar um mergulho profundo em ela

Requerimentos para se postular ao intercâmbio China-Brasil

Pegue papel e lápis e anote quais são os documentos que precisará para se postular ao intercâmbio:

  •         Passaporte válido
  •         Reserva de passagem aérea de ida e volta
  •         Itinerário de viagem
  •         Foto recente 3×4
  •   Comprovantes da futura residência na China, como reservas de hotéis, residência estudantil ou apartamento
  •         Atestado de boa saúde
  •         Formulário de aplicação ao intercâmbio, fornecido pelo Consulado chinês
  •         Comprovante de matrícula do ano em curso
  •         Carta de admissão na Universidade chinesa

Acha que fazer um intercâmbio na China é muito caro e não pode custear os gastos? Para tudo tem uma solução! Se precisar uma bolsa de estudos para estudar lá, é só entrar com o pedido no Itamaraty. Após uma análise, este órgão solicitará autorização à Embaixada chinesa para que possam lhe ajudar.

Tipos de vistos de estudo na China

São somente dois:

  • Visto de turismo L

Deve ser solicitado pelas pessoas que queiram viajar à China a turismo, ou por assuntos pessoais ou familiares. Este visto também corresponde a aqueles estudantes que desejem fazer cursos de menos de 6 meses de duração.

Este visto não permite trabalhar nem fazer nenhum tipo de negócio.

  • Visto para estudantes X

Exigido somente a quem deseje realizar cursos, graduações ou pós-graduações cuja duração supere os 6 meses. Junto com ele, é preciso solicitar uma autorização de residência, que costuma ter a mesma duração que o programa de estudos.

Seguro de viagem para China: obrigatório

Pronto para a aventura no mundo oriental? Antes de se embarcar no seu intercâmbio China-Brasil não deixe de lado a segurança e contrate um seguro de viagem internacional.

Além de que seja um requisito mandatório para obter o visto de intercâmbio, é muito recomendável que você viaje com uma cobertura de saúde, devido à dificuldade da língua. Imagine não conseguir se comunicar com o médico!

Outros motivos que justificam a contratação são os altos custos dos atendimentos médicos e odontológicos, que podem fazer tremer seu orçamento.

Não existem motivos para arriscar sua saúde e sua segurança. Não deixe de contratar uma assistência de viagem internacional. Garantimos que não se arrependerá.