Tibé incomoda os grandes! O pré-candidato a prefeito de Belo Horizonte pelo PTdoB foi pego de surpresa pelo partido Solidariedade, que integrava sua chapa, e foi anunciado como coligado à Délio Malheiros, do PSD.

Em uma eleição com pelo menos 13 candidatos, o tempo de televisão vale ouro. Quem tiver o apoio do Solidariedade, ganha 40 segundos a mais para falar com os eleitores na TV.

Entenda a mudança: segundo o presidente afastado do diretório municipal, Rodrigo Grilo, em convenção realizada no dia 29 de junho, ficou acordado o apoio à Luis Tibé. O acordo foi protocolado no Tribunal Regional Eleitoral de MG em 1º  de agosto. Outra reunião foi realizada pelo presidente interventor de Brasília, Rodrigo Molina, na quinta-feira pelo interventor de Brasília, da executiva nacional, garantindo o apoio à Délio Malheiros.

Grilo alega não ter sido notificado e entrou na justiça pedindo  a  restituição do cargo de presidente. De acordo com Luis Tibé , a desarticulação da aliança por parte da executiva nacional é reflexo de um movimento dos grandes partidos para a desestabilização de sua candidatura.