[huge_it_slider id="4"]
Corinthians barra Cruzeiro pela segunda vez no Mineirão

Corinn

Cruzeiro levou gol na etapa final e acabou derrotado no Mineirão
(Foto: Douglas Magno/O Tempo)
*Da redação (JCE)

 

Sem Everton Ribeiro e Ricardo Goulart, o time celeste teve dificuldades para articular as oportunidades de gol e superar a defesa corintiana na noite desta quarta-feira (08), em pleno Mineirão. Por outro lado, o time de fora soube aproveitar um contra-ataque para marcar com Luciano e sair vencedor por 1 a 0.

Melhor mandante no Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro perdeu pela segunda vez em seus domínios. A equipe mineira já havia perdido para seu rival por 3 a 2, no Gigante da Pampulha.

 

A partida

O time da casa dominou a metade do primeiro tempo, mas pecou nas finalizações. Enquanto o Corinthians se fechava, o Cruzeiro buscava espaço para chegar ao gol de Cássio. Após os 30 minutos da primeira etapa, o time adversário teve mais perto de abrir o placar, mas as duas equipes foram para o intervalo no 0 a 0.

Para o segundo tempo, Marcelo Oliveira substituiu William por Alisson, que não atua havia quatro partidas. Nos primeiros minutos da etapa complementar, o técnico celeste precisou novamente mexer no time quando Egídio pediu para sair, Ceará entrou improvisado na lateral esquerda.

O Cruzeiro continuou a mostrar dificuldades e foi necessário mais uma substituição, Dagoberto no lugar de Marrone.

O gol saiu aos 26 minutos depois de contra-ataque e jogada de Petros para Luciano balançar o gol de Fábio e comemorar fora de casa.

Ainda no final da partida, Dagoberto e Marcelo Moreno tiveram chances não aproveitadas e o time celeste encarou mais uma derrota.

Com a derrota na 26a rodada do Brasileiro, o Cruzeiro permanece líder com 56 pontos, seguido por São Paulo com 49, porém podendo ver a vantagem diminuir no jogo desta quinta (09) quando o Internacional, terceiro colocado, enfrenta o time da Chapecoense e tem 47 pontos. Caso o Inter saia vencedor, a vantagem cairá para 6 pontos.

No próximo confronto, domingo (12), o time de Marcelo Oliveira encara o Flamengo fora de casa.