Belo Horizonte, 23 – A primeira pesquisa de intenção de voto na sucessão municipal em Belo Horizonte mostra o candidato do PSDB, deputado estadual João Leite, na liderança da disputa pelo comando da capital. Conforme o levantamento, encomendado pela TV Globo ao Ibope, e divulgado nesta segunda-feira, o tucano tem 21% das intenções de voto.

De acordo com a pesquisa, o candidato é também o segundo mais rejeitado, com 20% dos entrevistados.

O segundo lugar nas intenções de voto na capital mineira, de acordo com o levantamento, é do candidato Alexandre Kalil (PHS), com 11%. Em inversão de posições com o candidato João Leite, Kalil, por sua vez, é o concorrente à prefeitura de Belo Horizonte mais rejeitado pelos eleitores, com 24% dizendo que não votariam no candidato, que é ex-presidente do Atlético-MG.

Em terceiro está Luís Tibé (PTdoB), com 6%. Votos brancos e nulos somaram 20%. Não sabem ou não responderam, 16%.

O Ibope ouviu 805 pessoas entre os dias 18 e 21 de agosto. A margem de erro é de três pontos porcentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) sob o protocolo MG-04289/2016. As informações são do jornal
O Estado de S. Paulo.

Pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (22) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto na corrida para a Prefeitura de Belo Horizonte:

João Leite (PSDB) – 21%
Alexandre Kalil (PHS) – 11%
Luis Tibé (PTdoB) – 6%
Eros Biondini (PROS) – 5%
Vanessa Portugal (PSTU) – 5%
Délio Malheiros (PSD) – 3%
Maria da Consolação (PSOL) – 3%
Reginaldo Lopes (PT) – 3%
Sargento Rodrigues (PDT) – 3%
Marcelo Álvaro Antônio (PR) – 2%
Rodrigo Pacheco (PMDB) – 2%
– Branco/nulo – 20%
– Não sabe/não respondeu – 16%