Branding é o trabalho de gestão e gerenciamento de uma marca junto ao mercado, visando fortalecer positivamente sua reputação e alinhá-la com os objetivos organizacionais e o público almejado. Com essa linguagem inovadora, em setembro de 2012, os publicitários Vitor Holtz e Pascoal Fioravante criam a Momm, com o objetivo de trazer algo novo para Sorocaba, diferenciando-se da proposta das demais agências de publicidade. Três anos depois, a empresa é reconhecida em todo o Brasil, gerando empregos e conquistando prêmios.

De acordo com Pascoal, o intuito do branding é traduzir a filosofia da empresa, entender o que as pessoas pensam e sentem sobre a marca, trabalhando a comunicação de dentro para fora. “Cada vez mais as pessoas se relacionam com o que se identificam, para isso criamos atributos, trabalhando a segmentação do produto para o público”.

Os sócios contam que o processo é como uma gestação. Eles entendem internamente o funcionamento da empresa, para então gerir algo verdadeiro para o mercado. “Daí vem o nosso nome, Momm (mom+m) significa mãe das marcas e tratamos cada cliente como um filho, que precisamos criá-lo, amadurecê-lo e fazê-lo despontar para o mundo, prevendo problemas e propondo soluções”, define Vitor.

Em apenas seis meses, a agência já tinha clientes em nível nacional e, no primeiro ano, um cliente internacional, o restaurante Karoca’s, localizado em Miami, nos Estados Unidos. Com esse crescimento, os sócios identificaram outras necessidades, decidiram ir além do branding e trabalhar a comunicação como um todo.

Em janeiro de 2015, Pascoal e Vitor convidaram o publicitário e ilustrador Gutto Oliveira – com experiência de 16 anos de mercado e ganhador de diversos prêmios – para comandar a direção de criação e integrar a sociedade. “Quando conheci a estratégia de comunicação da Momm fiquei encantado com a metodologia utilizada. Consegui com essa parceria duas coisas que queria muito: algo novo para minha carreira e a oportunidade de empreender”.

Nesse mesmo período, os sócios realizaram uma leitura de mercado e sentiram a necessidade de fazer um reposicionamento da agência, criando novas grades de produtos e serviços. “Nessa época, a crise começou a ganhar destaque e as empresas estavam receosas em investir em comunicação, era preciso inovar. Por isso repensamos alguns serviços e criamos novas opções, adaptando para cada perfil de empresa”, recorda Pascoal, que também afirma que com a vinda do novo sócio, começaram a pleitear mais o mercado de comunicação, entendendo e indicando soluções que atendessem a real necessidade do cliente, trazendo resultados.

Vitor Holtz, Gutto Oliveira e Pascoal Fioravante, diretores da Momm (2)

Vencendo obstáculos e conquistando prêmios

Com esse novo posicionamento, no auge da crise a Momm triplicou seu faturamento, gerou nove novos empregos e se destacou ainda mais no mercado, conquistando diversos prêmios, como no Fest Graf 2015, da Associação de Profissionais de Propaganda (APP) de Ribeirão Preto, onde levaram duas premiações, uma na categoria Branding e outra na categoria Ilustração e Mascotes. No Mídia Fest, da APP Campinas, conquistaram o primeiro lugar em Branding.

Eles também foram convidados a participar da concorrência da Confederação Brasileira de Vôlei para criação de um novo logo. Concorrendo com grandes agências de todo o País, eles ficaram em segundo lugar.

Apesar de nova no mercado, a Momm é reconhecida no segmento de comunicação, tendo em sua carteira, clientes locais, regionais, estaduais e nacionais. “Com uma nova filosofia, estamos sempre atentos aos nossos processos internos, por isso continuamos a gerar empregos e a produzir um conteúdo de qualidade e de personalidade às marcas com as quais trabalhamos”, completa Vitor.