Geral

TRT exige que 70% dos rodoviários trabalhem em horários de pico

2 Min leitura

Ônibus de Contagem que também atendem Sarzedo, Ibirité e a região metroolitana de Belo Horizonte paralisaram suas atividades nesta quarta-feira (20); categoria pelo não cumprimento da convenção coletiva por parte dos patrões, no caso, a empresa Saritur, responsável pelas linhas

image

Foto: Divulgação – O Tempo

 

*CAMILA KIFER

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 3ª Região de Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, determinou, na noite desta quarta-feira (20), que o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do município garante (Sittracon) garanta a presença de no mínimo 70% da frota de transporte do município, em horário de pico, a partir desta quinta-feira (21). Em caso desobediência, o sindicato deverá arcar com multa diária de R$ 30 mil.
Veja Também
video Motoristas e cobradores de Contagem mantêm paralisação nesta quinta
video Ônibus em Contagem estão parados na manhã desta quarta-feira
Mais

Categoria paralisou suas atividades na manhã desta quarta e informou que a revolta é pelo não cumprimento da convenção coletiva por parte dos patrões, no caso, a empresa Saritur, responsável pelas linhas que atendem Contagem, Sarzedo e Ibirité.

A decisão do TRT determina que 70% da frota atue no período de 5h30min às 9h e das 17h às 20h, de segunda a sexta-feira. Nos demais horários, o sindicato deve garantir 50% da frota de transporte coletivo no município de contagem. A ordem judicial surgiu após uma ação promovida pelos donos das empresas do transporte coletivo do município em conjunto com o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros Metropolitanos (Sintram).

Em contato com o Sittracon, o presidente do sindicato, Antônio Ferreira, afirmou ter ficado sabendo sobre a decisão na noite desta quarta. No entanto, os profissionais da categoria não tomaram uma decisão. “Nós temos uma reunião marcada nesta quinta-feira (21), às 10h, no TRT. Só após este encontro teremos um posicionamento sobre o assunto”, declarou.

O presidente foi questionado sobre o pagamento da multa, que pode começar a ser cobrada já nesta quinta, caso a ordem judicial não seja acatada, porém, ele disse que só irá responder a pergunta após o encontro no TRT.

Movimento

Na manhã desta quarta, ônibus de Contagem que também atendem Sarzedo, Ibirité e a região Central de Belo Horizonte, não rodaram. Conforme informações do Sittracon a greve tem a adesão de pelo menos 80% da frota nestas cidades.

A paralisação é motivada pelo não cumprimento da convenção coletiva por parte dos patrões, no caso, a empresa Saritur, responsável pelas linhas de Contagem que acessam as cidades de Ibirité, Sarzedo e a região central de Belo Horizonte.

2997 posts

About author
Felipe de Jesus | Jornalista (FESBH), Publicitário (IPSP), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo e Letras (F.Polis das Artes), Economista (UNIP) & Advogado (FACSAL). Tem Mestrado em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (UEMC). [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]
Articles
Relacionados
CulturaGeralMinas GeraisNotícias

Bairro Pilar recebe projeto de cinema gratuito na praça neste sábado

3 Min leitura
Edição realizada antes da pandemia – Foto: Airam Resende.    O projeto Uma Noite de Cinema na Sua Cidade exibirá o longa-metragem…
GeralJustiça Brasil

Compliance: afinal de contas, qual a sua importância?

2 Min leitura
Setor facilita a captação de recursos e, também, previne riscos de fraude e corrupção   A pandemia do novo Coronavírus acendeu muitos…
CulturaGeral

BOULEVARD SHOPPING BH, EM PARCERIA COM A ONG CABELEGRIA, OFERECE PONTO DE CORTE GRATUITO E DOAÇÃO DE CABELOS EM PROL DO OUTUBRO ROSA

3 Min leitura
 Foto: Divulgação.  AÇÃO ACONTECE NO SHOPPING NO PERÍODO DE 3 A 5 DE OUTUBRO   As ações referentes ao Outubro Rosa e…
Power your team with InHype
[mc4wp_form id="17"]

Add some text to explain benefits of subscripton on your services.